Logo após a fundação da USP, não poucos reclamavam um laboratório à beira mar que oferecesse possibilidades de pesquisa marinha. Em 1934, o Professor Ernest Bresslau, fundador do Departamento de Zoologia da USP, insistia para que o governo do estado adquirisse a Ilha das Palmas (Santos, SP) e aí construísse um laboratório para estudos marinhos.

Laboratório antigo do CEBIMar/USPEmbora essa iniciativa não tivesse êxito, muitos trabalhos sobre biologia marinha foram efetuados no litoral paulista. Inúmeros foram os estágios na Ilha das Palmas, Itanhaém, Peruíbe, Bertioga, São Sebastião e Ilhabela, quando se transportava todo o equipamento indispensável, como lupas, microscópios, redes, etc. Pesquisadores e alunos alojavam-se em hotéis locais ou em acampamentos improvisados. Alguns trabalhos importantes, inclusive em colaboração com pesquisadores estrangeiros, como C. Pantin, foram realizados numa pequena sala emprestada pelo Centro de Saúde de São Sebastião.

Devido às inúmeras dificuldades enfrentadas, alguns professores da USP adquiriram um terreno localizado a cerca de 6 km ao sul do centro da cidade de São Sebastião (SP) objetivando erigir um instituto onde pudessem realizar pesquisas e cursos. A Fundação Instituto de Biologia Marinha (IBM) foi criada em 14 de fevereiro de 1955, seus estatutos sendo aprovados pelo Conselho Universitário da USP. Os membros fundadores da instituição foram: Paulo Sawaya, Erasmo G. Mendes, Domingos Valente, George A. Edwards, João Paiva Carvalho, além do então Reitor José Mello Morais e do Diretor da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, Eurípedes Simões de Paula. Para a implantação das primeiras instalações, laboratório e residência, foram obtidos recursos junto à USP, Conselho Nacional de Pesquisas (CNPq), Fundação Rockefeller e Governo do Estado.

Desde o início de sua existência, o IBM proporcionou condições para que cientistas de todo o país e do exterior realizassem suas pesquisas, e ministrou inúmeros cursos regulares de biologia marinha. Para melhor cumprir suas finalidades, entretanto, foi proposta a transferência do IBM para a Universidade, o que acabou ocorrendo em 17 de dezembro de 1962 pelo Decreto 41-222. No início da década de 70, as instalações do Instituto de Biologia Marinha (IBMar) foram ampliadas, com a construção de um novo alojamento, auditório e biblioteca, e reforma da cozinha e refeitório.

Em 24 de setembro de 1980 o IBMar foi transformado em Centro Inter-unidades e denominado Centro de Biologia Marinha (CEBIMar), devido à alterações no Estatuto (Decreto52.326; 16/dez/69) e Regimento Geral da Universidade de São Paulo (Decreto52.906; 27/mar/72).

Uma nova modificação no Regimento Geral da USP, aprovado em 19 de outubro de 1990, passou a considerar o CEBIMar como um dos seus Órgãos de Integração, constituindo um Instituto Especializado, juntamente com o Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA), Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE), Instituto de Estudos Avançados (IEA) e Instituto de Estudos Brasileiros (IEB).

Os planos de se construir um novo laboratório, especialmente planejado para esse fim, acalentado desde a década de 70, foi finalmente concretizado em 1993. Mesmo reduzido à cerca de 1/3 da área inicialmente planejada, esse edifício proporcionou substancial melhora na infraestrutura laboratorial do CEBIMar, permitindo a realização de um número maior de projetos científicos e melhores condições para realização de experimentos e manutenção de equipamentos.

  • 1953
    Aquisição do terreno da Praia do Segredo, em São Sebastião - 14/3/1953
  • 1954
    Construção da casa de hóspedes, atual refeitório
    Construção do primeiro laboratório, posteriormente denominado Laboratório Paulo Sawaya
  • 1955
    Registrados no cartório do 4º tabelião Alfredo Firmo da Silva os estatutos da Fundação Instituto de Biologia Marinha (IBMar) - 14/2/1955
    Primeiro curso de Biologia Marinha ministrado nas dependências do então IBMar - 6-10/9/1955
  • 1958
    Doação do terreno onde se localiza o CEBIMar à Fundação Instituto de Biologia Marinha, por Paulo Sawaya e senhora - 25/2/1958
  • 1962
    Incorporação do antigo IBMar à USP (decreto estadual nº 41.222, assinado pelo governador Carlos Alberto A. de Carvalho Pinto) - 17/12/1962
    Visita do Navio Calipso
  • 1963
    Portaria GR2, que regulamenta o Instituto de Biologia Marinha da USP - 7/1/1963
    Primeiro conselho científico, com representantes da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (Antonio Brito da Cunha, Aylthon Brandão Joly, Erasmo Garcia Mendes, Michel Pedro Sawaya), da Secretaria da Agricultura (Emílio Varoli), do Instituto Oceanográfico (Marta Vannucci); da Faculdade de Medicina de São Paulo (Luiz Carlos Uchôa Junqueira), da Faculdade de Odontologia (Octavio Della Serra), da Faculdade de Higiene e Saúde Pública (Francisco Antonio Cardoso), da Faculdade de Medicina Veterinária (Euclydes Onofre Martins), da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Salvador de Toledo Piza Jr. ), do Instituto Brasileiro de Educação, Ciência e Cultura (Isaias Raw), e do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (Edgard Ghilardi)
    Designação do primeiro conselho administrativo, composto por Jean Roger Lavallard, Sérgio de Almeida Rodrigues e Jorge Alberto Petersen, como membros, e Gilberto Righi e João Edmundo Lunetta, como suplentes - 7/5/1963
    Construção do parque de cultivo de mexilhões na Praia do Cabelo Gordo
  • 1972
    Visita de Harry M. Miller Jr. (Fundação Rockefeller) - 11/7/1972
  • 1973
    Inauguração do prédio do alojamento - 21/6/1973
  • 1975
    Inauguração dos prédios da administração/biblioteca e refeitório - 3/8/1975
    I Semana de Seminários de Biologia Marinha - 9-15/12/1975
  • 1977
    II Semana de Seminários de Biologia Marinha - 5-11/12/1977
  • 1980
    III Semana de Seminários de Biologia Marinha - 9-15/2/1980
    Resolução nº 1.951, que transforma o IBMar em centro interunidades e denomina-o Centro de Biologia Marinha (CEBIMar) - 24/9/1980
  • 1982
    I Minissimpósio de Biologia Marinha
    Primeira reunião do conselho deliberativo, com participação de representantes do CEBIMar (João Edmundo Lunetta, Cláudio Gonçalves Tiago), do Instituto de Biociências (Luiz Carlos G. Simões, Edison José de Paula, Jorge Alberto Petersen, Sérgio de Almeida Rodrigues), do Instituto Oceanográfico (Clóvis Teixeira, Yoshimine Ikeda) e do corpo discente (Verena R. de Eston) - 20/5/1982
  • 1985
    Início do programa Interior na Praia
    II Reunião Brasileira de Ficologia - 3-6/3/1985
    Inauguração da Unidade Experimental de Geração de Eletricidade (2,2 kW), com o aerogerador construído dentro do projeto Energia Eólica I, da Companhia Energética de São Paulo (CESP) - 8/5/1985
  • 1987
    Resolução SMA de 10/2/1987, que define como Área Sob Proteção Especial (ASPE) a região compreendida pelo CEBIMar
  • 1989
    Portaria Ibama nº 1.132 de 7/10/1989, que proíbe o exercício da pesca am adora e profissional na área do CEBIMar
  • 1990
    Resolução nº 3.745, que considera o CEBIMar como instituto especializado - 19/10/1990
  • 1994
    Inauguração do Laboratório Central, posteriormente denominado Erasmo Garcia Mendes - 13/5/1994
    Resolução nº 4.110, assinada pelo então reitor Flávio Fava de Moraes, que aprova o regimento do CEBIMar - 18/8/1994
  • 1996
    Homenagem póstuma a Paulo Sawaya, cujo nome passou a denominar o primeiro laboratório do CEBIMar - 9/11/1996
  • 1999
    Resolução nº 4.896, publicada no Diário Oficial do Estado de 3/9/1999, que modifica o estatuto da USP e determina que terá assento no Conselho Universitário um representante de cada um dos institutos especializados - 1/9/1999
  • 2000
    Reconstrução do Laboratóro Paulo Sawaya, com o apoio da Fapesp
  • 2001
    Homenagem póstuma a Erasmo Garcia Mendes durante o XVI Simpósio de Biologia Marinha, com descerramento de placa comemorativa. Seu nome passou a denominar o antigo Laboratório Central, inaugurado em 1994 - 30/11/2001
  • 2002
    XVII Simpósio de Biologia Marinha, que comemora os 40 anos de incorporação do CEBIMar à USP
  • 2006
    Reforma dos edifícios da Administração e Biblioteca
  • 2008
    Reforma dos edifícios do Restaurante e Alojamento
Fundação Instituto de Biologia Marinha

1955-1963: Diretor: Paulo Sawaya

Instituto de Biologia Marinha

1/1963 - 9/1973: Diretor: Paulo Sawaya

9/1973 - 12/1980: Diretor: João Edmundo Lunetta

Centro de Biologia Marinha

12/1980 - 9/1982: Diretor pro tempore: João Edmundo Lunetta
9/1982 - 5/1985: Diretor: Erasmo Garcia Mendes
12/1982 - 12/1986: Vice-diretor: Walter Narchi

11/1985 - 11/1989: Diretor: Eurico Cabral de Oliveira Filho
12/1986 - 1/1991: Vice-diretor: Clóvis Teixeira

11/1989 - 12/1993: Diretor: João Edmundo Lunetta
1/1991 - 1/1994: Suplente de diretor: Godofredo da C. Genofre Netto

12/1993 - 12/1995: Diretor: Maria da Glória Blumer Soares Moreira
3/1994 - 12/1997: Suplente de diretor: Ana Maria Setubal Pires Vanin

12/1995 - 12/2001: Diretor: José Carlos de Freitas
12/1997 - 3/2000: Vice-diretor: Ana Maria Setubal Pires Vanin
3/2000 - 12/2001: Vice-diretor: Eleonora Trajano

12/2001 - 12/2005: Diretor: Eleonora Trajano
12/2001 - 12/2005: Vice-diretor: Alvaro Esteves Migotto

12/2005 - 12/2009: Diretor: Alvaro Esteves Migotto
12/2005 - 12/2009: Vice-Diretor: Cláudio Gonçalves Tiago

12/2009 - 12/2013: Diretor: José Roberto Machado Cunha da Silva
12/2009 - 12/2013: Vice-Diretor: Alvaro Esteves Migotto

01/2014 - 01/01/2018: Diretor: Antonio Carlos Marques
01/2014 - 01/01/2018: Vice-Diretor: Augusto Alberto Valero Flores

02/01/2018 - Até hoje: Diretor: Augusto Alberto Valero Flores
02/01/2018 - Até hoje: Vice-Diretor: André Carrara Morandini