Projetos de pesquisa finalizados

Acesso a área restrita.

Entre para cadastrar ou atualizar seus projetos de pesquisa ou submeter novas solicitações de apoio a projetos.
Obter nova senha - Receber nome de usuário por e-mail - Criar uma conta

Projeto de pesquisa


  • Estudos populacionais em Gracilaria birdiae (Gracilariales, Rhodophyta): aspectos fisiológicos e moleculares

     
  • Coordenador do projeto: Estela Maria Plastino  
  • Autor ou executor principal do projeto: Lígia Maria Ayres-Ostrock  
  • Número do projeto: 855  
  • Categoria: Doutorado 
  • Data de início das atividades no CEBIMar: 17/09/2013  
  • Data de término das atividades no CEBIMar: 31/10/2014  
  • Resumo: A diversidade intraespecífica compreende todo o conjunto de expressões fenotípicas em indivíduos de uma determinada espécie, decorrentes tanto do processo de aclimatação quanto da diversidade genética. O uso de marcadores moleculares para estudos sobre a diversidade genética inter e intra-populacionais em macroalgas marinhas está restrito apenas para um número limitado de espécies. O cox 1 (região 5’do gene mitocondrial que codifica para a enzima citocromo c oxidase 1) é um trecho curto de DNA que pode ser prontamente amplificado e seqüenciado, tornando-o ideal para detectar espécies proximamente relacionadas e demonstrar diversidades populacionais. Os microssatélites, conhecidos também como “Simple Sequence Repeats” ou “Short Tandem Repeats”, vêm sendo utilizados para abordar questões relacionadas à diversidade genética de populações com ampla distribuição geográfica, bem como de uma única população. Gracilaria birdiae é uma das principais agarófitas coletadas no nordeste brasileiro, e diferentes estudos relacionados a sua fisiologia têm possibilitado a caracterização e seleção de linhagens. O atual projeto pretende avaliar a diversidade genética de G. birdiae considerando-se: i, populações selecionadas ao longo da costa brasileira; e ii, suas variantes de cor presentes numa mesma população. Além disso, pretende-se caracterizar essas populações e suas variantes quanto aos parâmetros relacionados à fotossíntese. A diversidade genética será acessada por meio de um marcador presente no genoma mitocondrial, codificante para a enzima citocromo oxidase (cox1), dois marcadores presentes no genoma& 
  • Metodologia: Materiais e Métodos
    5.1.      Material biológico
    Populações de Gracilaria birdiae serão amostradas a partir de cinco localidades ao longo da costa brasileira: Ceará (CE), Rio Grande do Norte (RN), Pernambuco (PE), Bahia (BA) e Espírito Santo (ES). Parte do material será preservado em formol 4%, herborizado e depositado no Herbário SPF do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo (USP).
    Quando possível, serão reconhecidas variantes de cor na natureza, e essas serão também amostradas. Além do material coletado na natureza, pretende-se avaliar quatro linhagens de gametófitos femininos de Gracilaria birdiae obtidas in vitro a partir de cultivos unialgais:
    a. vermelha (VMCE), proveniente do Município de Paracuru, CE (Costa & Plastino, 2001);
    b. vermelha (VMES), proveniente do Município de Anchieta, ES (Ursi & Plastino, 2001);
    c. marrom-esverdeada (MECE), proveniente do Município de Paracuru, CE (Costa & Plastino, 2001);
    d. verde (VDCE), obtida espontaneamente em condições de laboratório (Costa & Plastino, 2001).
     
  • Etapas e cronograma: Ver pdf anexo.
     
  • Palavras-chave: G. birdiae, fotossíntese, microssatélites, marcadores moleculares, cox1, rbcL, genética de população, Diving PAM,  
  • Condições ambientais: Água clara ;  Maré baixa ;   
  • Área necessária no laboratório: Bancada e trabalho e acesso a água do mar. 
  • Equipamentos de laboratório: Estéreo Microscópio e microscópio. 
  • Outros serviços de laboratório: Não serão necessários outros serviços de laboratório. 
  • Organismos a serem coletados: Algas vermelhas Gracilaria birdiae e G. caudata. 
  • Locais para coleta: Praia das Cigarras, Martin de Sá, entre outras. 
  • Tipos de resíduos químicos e/ou infectantes a serem gerados durante o projeto:  
  • Quantidade de cada tipo de resíduo:
  • Periodicidade aproximada da geração dos resíduo:
  • Instituição(ções) de origem do projeto:

    • USP. Instituto de Biociências   
     
  • Participante(s) do projeto:

    Nenhum participante incluído.
     
  • Recurso(s) destinado(s) ao projeto:

    • Situação: Concedido 
    • Agência de fomento: Fapesp 
    • Tipo de recurso: Bolsa 
    • Especificar o tipo de recurso: Bolsa de doutorado  
    • Recursos em nome de: Lígia Maria Ayres-Ostrock 
     

    Produção(ões) bibliográfica(s) gerada(s) pelo projeto:

    Total de produções bibliográficas: 0


  • Data de cadastro do projeto: 13/09/2013  
  • Data da última modificação: 12/11/2013  
Joomla 1.6 Templates designed by Joomla Hosting Reviews