Projetos de pesquisa finalizados

Acesso a área restrita.

Entre para cadastrar ou atualizar seus projetos de pesquisa ou submeter novas solicitações de apoio a projetos.
Obter nova senha - Receber nome de usuário por e-mail - Criar uma conta

Projeto de pesquisa


  • Efeito da colonização inicial no desenvolvimento e estruturação de comunidades marinhas incrustantes de sublitoral

     
  • Coordenador do projeto: Augusto Alberto Valero Flores  
  • Autor ou executor principal do projeto: Edson Aparecido Vieira Filho  
  • Número do projeto: 813  
  • Categoria: Doutorado 
  • Data de início das atividades no CEBIMar: 30/11/2012  
  • Data de término das atividades no CEBIMar: 17/04/2017  
  • Resumo: O processo de sucessão é definido como as mudanças na estrutura e composição da comunidade ao longo do tempo. Ele é amplamente estudado e, desde o início, trabalhos descritivos revelaram a natureza variável, complexa e contexto-dependente da sucessão. Entretanto um melhor entendimento dos fatores atuantes no processo só é possível através de experimentação. Comunidades marinhas são excelentes modelos para esse tipo de abordagem, uma vez que são muito dinâmicas e seus organismos são conhecidos e facilmente manipuláveis. Essas comunidades são caracterizadas por uma sucessão gradual e contínua. Apesar disso, a estocasticidade é uma característica marcante do ambiente marinho e, por isso, as configurações iniciais da comunidade e suas implicações no processo de sucessão e na estrutura da comunidade ao alcançar estágios de equilíbrio são extremamente variáveis. Em alguns casos ocorre a substituição hierárquica de espécies, enquanto que em outros, efeitos de prioridade se estabelecem desde o início mantendo a diversidade baixa. O interesse deste estudo é manipular as configurações iniciais da comunidade e entender como que esta se desenvolve e estrutura a partir dos diferentes cenários. Manipularei a identidade dos colonizadores, a riqueza de espécies e a diversidade funcional inicial, para examinar como a comunidade se desenvolve em cada uma dessas configurações. Além disso, investigarei como essas diferentes configurações iniciais atuam na suscetibilidade da comunidade à entrada de espécies potencialmente invasoras. 
     
  • Metodologia: Todos os experimentos serão desenvolvidos no Yacht Club de Ilhabela, localizado no canal de São Sebastião, município de Ilhabela-SP, sudeste do Brasil. Nesses experimentos, utilizando-se placas de PVC submersas para o estabelecimento da comunidade incrustante, manipularei características dos colonizadores iniciais, avaliando as implicações que essas diferentes configurações apresentam no desenvolvimento e estruturação da comunidade a longo prazo. Previamente serão estabelecidas placas de estoque para obtenção dos organismos que serão utilizados na montagem das comunidades experimentais. No Experimento I testarei os efeitos da identidade e tamanho dos colonizadores iniciais; no Experimento II manipularei a riqueza inicial dos colonizadores e no Experimento III manipularei a diversidade funcional inicial dos colonizadores. Adicionalmente no Experimento II e III investigarei quando e como ocorre a ocupação de espaço por algumas espécies tidas como invasoras. Mensalmente, por seis meses, quantificarei a riqueza de organismos e a área de cobertura relativa de cada taxon. As comparações serão feitas entre tratamentos e ao longo do tempo através de ANOVA de medidas repetidas para a riqueza e de PERMANOVA de medidas repetidas para cobertura.
     
  • Etapas e cronograma: Atividades:
    2º Sem. 2012 – Disciplinas e testes preliminares
    1º Sem. 2013 – Experimento I e disciplinas
    2º Sem. 2013 – Análise de dados, redação de relatório e artigo e disciplinas
    1º Sem. 2014 – Experimento II, análise de dados, redação de relatório e artigo
    2º Sem. 2014 – possível BEPE – discussão e análise de dados e colaboração com o Laboratório da Profa. Amy Freestone – Temple University, Philadelphia, EUA
    1º Sem. 2015 – Experimento III
    2º Sem. 2015 – Análise de dados, redação de relatório e artigo
    1º Sem 2016 – Redação da tese e defesa
    OBS: durante a montagem e coleta de dados dos 3 experimentos, serão utilizados a infraestrutura e apoio técnico do CEBIMar.
     
  • Palavras-chave: Competição, Diversidade, Efeito de prioridade, Invasão  
  • Condições ambientais: Nenhuma condição especial ;   
  • Área necessária no laboratório: Sala para eventuais triagem. 
  • Equipamentos de laboratório: Lupa e Microscópio 
  • Será necessário: Auxílio técnico para coleta de organismos ou observações de campo ;  Utilização de embarcação do CEBIMar ;   

  • Outros serviços de laboratório: --- 
  • Organismos a serem coletados: --- 
  • Locais para coleta: Yacht Club Ilha Bela 
  • Tipos de resíduos químicos e/ou infectantes a serem gerados durante o projeto:  
  • Quantidade de cada tipo de resíduo:
  • Periodicidade aproximada da geração dos resíduo:
  • Instituição(ções) de origem do projeto:

    • Unicamp. Instituto de Biologia   
    • USP. Centro de Biologia Marinha   
     
  • Participante(s) do projeto:

    • Nome: Gustavo Muniz Dias  
    • Função no projeto: Co-orientador 
    • Início das atividades no projeto: 01/11/2012  
    • Fim das atividades no projeto: 17/04/2017  
     
  • Recurso(s) destinado(s) ao projeto:

    • Situação: Concedido 
    • Agência de fomento: Capes 
    • Tipo de recurso: Bolsa 
    • Especificar o tipo de recurso: Bolsa de Doutorado 
    • Recursos em nome de: Edson Aparecido Vieira Filho 
    • Situação: Solicitado 
    • Agência de fomento: Fapesp 
    • Tipo de recurso: Bolsa 
    • Especificar o tipo de recurso: Bolsa de Doutorado 
    • Recursos em nome de: Edson Aparecido Vieira Filho 
     

    Produção(ões) bibliográfica(s) gerada(s) pelo projeto:

    Total de produções bibliográficas: 0


  • Data de cadastro do projeto: 28/10/2012  
  • Data da última modificação: 31/01/2013  
Joomla 1.6 Templates designed by Joomla Hosting Reviews