Projetos de pesquisa em andamento

Acesso a área restrita.

Entre para cadastrar ou atualizar seus projetos de pesquisa ou submeter novas solicitações de apoio a projetos.
Obter nova senha - Receber nome de usuário por e-mail - Criar uma conta

Projeto de pesquisa


  • Comparação da incrustação de cracas em superfícies de fibra de vidro convencional e fibra natural laminada com resina poliuretano derivada de óleo de mamona.

     
  • Coordenador do projeto: Fernando Freitas de Oliveira  
  • Autor ou executor principal do projeto: Fernando Freitas de Oliveira  
  • Número do projeto: 1003  
  • Categoria: Projeto autônomo 
  • Data de início das atividades no CEBIMar: 20/09/2018  
  • Data de término das atividades no CEBIMar: 31/12/2019  
  • Resumo: O controle da incrustação de invertebrados marinhos em cascos de embarcações de pequeno e médio porte, construídas em fibra de vidro, requer procedimentos de limpeza de casco que demandam um exaustivo trabalho de mergulho ou a retirada da embarcação da água para raspagem, o que eleva os custos de manutenção. Muitas embarcações utilizam tintas antifouling, que podem ser tóxicas não só para organismos incrustantes mas para outros organismos marinhos. Além disso, embarcações são vetores que transportam a fauna incrustante entre regiões, contribuindo com o problema da bioinvasão. Desta forma, estudos vem sendo realizados buscando o desenvolvimento de novos materiais antiincrustantes que sejam menos agressivos ao ambiente marinho. As fibras naturais de coco e agave podem ser utilizadas para substituir as fibras convencionais de vidro, já a resina epóxi (derivada de petróleo) pode ser substituída pela resina PU vegetal à base de óleo de mamona, que demonstrou em alguns estudos propriedades antimicrobianas e capacidade de controle de biofilmes. Desta forma, o presente trabalho busca comparar o material convencional e o material natural em exposição à água do mar, avaliando se o material à base de mamona apresentaria uma melhor capacidade de controle da incrustação por cracas, com foco na aplicação para a construção naval. Até o momento fibras naturais laminadas com resina PU vegetal de mamona não foram testadas para este fim.
     
  • Metodologia: Serão fundeadas 3 boias na baia da Praia do Segredo, constituídas por placas de isopor em dimensões de 1m x 1m. As boias serão fundeadas com garateias de 30 cm de comprimento e 10cm de diâmetro feitas de tubo de pvc preenchido de concreto e ferro. Na parte inferior (submersa) de cada boia serão instaladas as amostras de fibra (corpos de prova) com dimensões de 10 cm x 10 cm. Uma parte dos corpos de prova será construída em fibra de vidro com laminação em resina epóxi e outra parte feita em fibra de casca de coco com laminação em resina de óleo de mamona (PU vegetal). As boias permanecerão no mar por 2 meses (entre setembro e novembro de 2018) e a cada semana cada boia será retirada da água para contagem de cracas utilizando lupa. 
     
  • Etapas e cronograma: 1ª ETAPA: Construção dos corpos de prova e blocos de experimentação
    Início: agosto de 2018
    Duração: 1 mês
    Objetivos: Construção das unidades experimentais
     
    2ª ETAPA: Instalação das unidades experimentais em ambiente marinho
    Previsão de início: setembro de 2018
    Duração: 1 semana
    Objetivos: Fundear os blocos experimentais na baía da Praia do Segredo (no Cebimar) em local abrigado.
     
    3ª ETAPA: Comparação entre tratamentos 
    Previsão de início: setembro de 2018
    Duração: 2 meses
    Objetivos: Comparar a incrustação de cracas entre as placas produzidas com fibra de vidro e placas com fibra natural e resina PU vegetal. Realizar a contagem de cracas aderidas às placas utilizando lupa.
     
    4ª ETAPA: Remoção da estrutura 
    Previsão de início: novembro de 2018
    Duração: 1 dia
    Objetivos: Retirar do mar e desmontar estrutura utilizada para o experimento.
     
     
  • Palavras-chave: incrustação; bioincrustação; fouling; biofouling; biofilmes; cracas; construção naval; fibra natural, resina de mamona 
  • Condições ambientais: Nenhuma condição especial ;   
  • Área necessária no laboratório: Uma mesa para contagem de placas uma vez por semana. 
  • Equipamentos de laboratório: Uma lupa (estereomicroscópio) uma vez por semana. 
  • Será necessário: Montagem de alguma estrutura (estantes, aquários etc) ;  Colocação ou fundeio de alguma estrutura no mar ;  Auxílio técnico para manutenção de estruturas ou material biológico na ausência dos participantes do projeto ;   

  • Outros serviços de laboratório: nenhum 
  • Organismos a serem coletados: nenhum 
  • Locais para coleta: nenhum 
  • Tipos de resíduos químicos e/ou infectantes a serem gerados durante o projeto: Nenhum 
  • Quantidade de cada tipo de resíduo: Nenhum
  • Periodicidade aproximada da geração dos resíduo: Nenhuma
  • Instituição(ções) de origem do projeto:

    • Outra instituição  Centro Universitário Módulo 
     
  • Participante(s) do projeto:

    • Nome: Bruno Anastasi Angeli  
    • Função no projeto: Outra função 
    • Início das atividades no projeto: 01/03/2019  
    • Fim das atividades no projeto: 31/12/2019  
    • Nome: Julia Nogueira  
    • Função no projeto: Graduando 
    • Início das atividades no projeto: 20/09/2018  
    • Fim das atividades no projeto: 01/11/2018  
     
  • Recurso(s) destinado(s) ao projeto:

    • Situação: Não informado 
    • Agência de fomento: Agência não informadaNenhuma 
    • Tipo de recurso: Escolha o tipo de recurso 
    • Especificar o tipo de recurso: Nenhum 
    • Recursos em nome de:
     

    Produção(ões) bibliográfica(s) gerada(s) pelo projeto:

    Total de produções bibliográficas: 0


  • Data de cadastro do projeto: 30/08/2018  
  • Data da última modificação: 24/10/2018  

          

            Notícias

    

                  

Rodovia Manoel Hypólito do Rego, km. 131,5 - Pitangueiras - São Sebastião - SP - Brasil - CEP 11612-109 e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.             
Joomla 1.6 Templates designed by Joomla Hosting Reviews